Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Crónicas da Vítima

As Crónicas da Vítima

Redes Sociais: Seguir ou Não Seguir?

20.04.22 | Bruno

Não há muito tempo, escrevi um texto em que mencionava a ansidedade e a forma como lidava com isso. Ou melhor, escrevia como usava as redes sociais para lidar com a minha ansiedade. E tenho ponderado em deixar de seguir algumas pessoas que conheço.

Recentemente, deixei de seguir vários artistas e algumas pseudo-celebridades do Instagram. Sinceramente, não há muito que acrescentem à minha vida, ainda que tenha que decidir sobre alguns dos que mantenho. Depois disso, irei passar por algumas pessoas que conheço: não estamos na vida uns dos outros, não deixámos qualquer na vida uns dos outros para nos considerarmos amigos e não vejo qualquer utilidade em seguirmo-nos. Não será uma questão ansiosa (acho), mas, como li algures numa rede social (a ironia!), vale muito mais a minha paz, do que seguir pessoas à toa e sentir que não faz qualquer diferença estar ali ou não.

E escrever textos destes,não servem com justificação para qualquer acção que tome. Servem, como menciono incansavelmente, para livrar-me de qualquer resquício de ansiedade, de culpa ou do que quer que seja, que determinada situação me cause.